Ponto de Cultura Batá Kossô promove o 2º SABÁ – Semana de Artes Batá Kossô, no Varadouro em Olinda

2ª Sabá Homenageia Mestre Afonso e o Maracatu Leão Coroado
24/08/2018
Inscrições gratuitas para oficinas do 2º Sabá – Semana de Artes Batá Kossô 2018
26/09/2018
Mostrar tudo

2ª SABÁ - Semana de Artes batá Kossô. Projeto Gráfico: Daniel Albuquerque - Coco de Umbigada

O Sabá acontece em Olinda, de 09 à 13 de outubro e homenageia Mestre Afonso o Maracatu Leão Coroado e os 60 anos de Dona Giva matriarca do Batá Kossô

Ponto de Cultura Batá Kossô realiza a 2ª Edição da Semana de Artes Batá Kossô – Sabá e oferece atividades de formação, música, dança, teatro, cineclube, rodas de conversa, culinária, feira social, oficinas, intervenção de grafite, apresentações culturais e muita poesia “Eu Poeta Errante” em homenagem ao Poeta França. Toda programação é gratuita e acontece de 09 à 13 de outubro de 2018, na rua do Piza, 129, bairro Varadouro/Santa Tereza próximo à Delegacia do bairro, no entorno das comunidades da Ilha do Maruim, V8, V9 e Salgadinho, em Olinda.

A Semana de Artes Batá Kossô homenageia Mestre Afonso e o Maracatu Leão Coroado e também celebra os 60 anos de Dona Giva, matriarca do Batá Kossô. Com o apoio Ministério da Cultura (Minc) através do Prêmio Culturas Populares – Leandro Gomes de Barros, contemplado em 2017. O fundador do Ponto de Cultura Batá Kossô, idealizador e produtor executivo do Sabá, Felipe França destaca a importância de utilizar os saberes da cultura tradicional para promover intervenções locais visando melhorar a qualidade de vida das pessoas.

“Propomos uma redescoberta da arte, da valorização da cultura local e dos saberes do cotidiano, enquanto forma e ferramenta para o empoderamento e protagonismo comunitário, de igualdade, cidadania e sociabilidade, bem como forma de difusão da identidade local”, afirma Felipe.

A programação é pensada de forma a ter como caminho norteador/pedagógico a filosofia do aprender – fazendo, que nos mostra e resgata o lugar de aprendizes-ensinantes e ensinantes-aprendizes, desenvolvida pelo mestre Paulo Freire. As atividades envolvem diversos tipos de artes como música, dança, poesia, artesanato e audiovisual, estimulando a coletividade e novos aprendizados. A intenção é a construção de uma nova perspectiva que agregue valores culturais e sociais aos participantes, fazendo com que todos sejam propagadores, multiplicadores, defensores e guardiões de sua cultura e identidade.

Durante toda semana estaremos arrecadando alimentos não perecíveis para o Centro Social Sandra Moraes, localizado na Rua Souza Lopes, nº 23, V9 – Olinda. Contamos com você!

Parceiros do Sabá

Centro Espírita Maria Francisca de Assis (CEMFA), Maracatu Leão Coroado, Ponto de Cultura Codo de Umbigada, Centro Cultural Grupo Bongar, Centro Cultural Axé de Kilú, Projeto Ilha Musical, Maracatu Nação Camaleão, Grupo Maracagrande, Grupo Coqueiro Alto, Catavento Criativo, Coletivo Canavial Olindense, Feira de Arte Negra Quilombar, Atelier Além das Ideias, Radiola Jamaicana, Grupo de Teatro de Rua Loucos e Oprimidos da Maciel, Trupe CricuLuz, Mamulengo Trem Noturno, EtnoRec, Rádio AMNÉSIA FM 89.5, Rádio No PE do OUVIDO FM 90.9.

> Acesse o site do Batá Kossô e conheça os principais projetos e produções realizados pelo Ponto de Cultura <<

Oficina de Percussão ministrada por Felipe França durante a primeira edição do Sabá em 2015. Foto: Divulgação

Ponto de Cultura Batá Kossô

O Ponto de Cultura Batá Kossô, reconhecido pelo ministério da cultura (Minc) em agosto de 2018, nasceu em Olinda aos pés do “terreiro de Dona Hilda” fundadora do CEMFA- Centro Espírita Maria Francisca de Assis, a partir de oficinas de iniciação musical para a comunidade do entorno (Varadouro e Santa Tereza). Desde 2012, vem desenvolvendo atividades com o objetivo de exercitar a criatividade musical, através do estudo das manifestações culturais locais, trabalhando o senso de pertencimento, identidade, cultura e estética das Matrizes Africana e indígena. Através das oficinas criou-se um canal de comunicação com a comunidade, gerando não só o aumento do conhecimento, mas também perspectivas de uma inserção produtiva dos participantes na área de cultura.

Os encontros para a realização das oficinas também deram frutos a outros eventos realizados pelo Batá Kossô como: Prévias carnavalescas, desfiles pelas ladeiras de Olinda, o Cocô de São João, Cosme e Damião e a Semana de Artes do Batá Kossô. Atividades realizadas anualmente com a participação de grupos culturais da região. Atualmente, o grupo também apresenta um formato reduzido de espetáculo para shows e vem desde 2014 participando da cena cultural do Nordeste.

Dentre as apresentações em eventos se destacam Carnaval de Olinda, Cena Peixinhos, Abril pro Coco, Festival de Bandas Independentes Natora, XI Encontro Regional de Música de Raíz, Festival de Inverno de Garanhuns – FIG.

 

Semana de Artes Batá Kossô

A Semana de Artes Batá Kossô – SABÁ foi idealizada para fomentar a cadeia da cultura popular e tradicional nas comunidades do entorno do Varadouro e Santa Tereza em Olinda-PE. localidades próximas do Ponto de Cultura Batá Kossô, fundado por Felipe França. O “SABÁ” é um movimento de artes integradas que visa reunir crianças, adolescentes, jovens e adultos afrodescendentes pertencentes ou não a comunidades em situação de risco e/ou comunidades remanescentes de quilombos e LGBTs.

A programação é pensada de forma a ter como caminho norteador/pedagógico a filosofia do aprender – fazendo, que nos mostra e resgata o lugar de aprendizes-ensinantes e ensinantes-aprendizes, desenvolvida pelo mestre Paulo Freire. As atividades envolvem diversos tipos de artes como música, dança, poesia, artesanato e audiovisual, estimulando a coletividade e novos aprendizados.

A intenção é a construção de uma nova perspectiva que agregue valores culturais e sociais aos participantes, fazendo com que todos sejam propagadores, multiplicadores, defensores e guardiões de sua cultura e identidade. O “SABÁ” incentiva a vivência, a compreensão e conhecimento da cultura tradicional brasileira, sempre acreditando na metodologia do aprender fazendo. Assim, nosso objetivo é ampliar as potencialidades e o olhar para autoestima da comunidade e dos participantes.

 

Programação Completa – #SABÁ2018

 

ABERTURA / TERÇA – FEIRA (09/10)

19:00 – Feira de Arte Negra Quilombar

19:30 – Coquetel de Abertura

19:50 – Cineclube Rainhas do Quilombo (Homenagem Ao Mestre Afonso E o Maracatu Leão Coroado)

20:30 – Radiola Jamaicana (PB)

Programação das Oficinas 

  • Oficina de Produção Cultural

Dias: 10, 11 e 12 de Outubro

Horário: 08:00 às 12:00

Facilitadora: Sandra Silva / Catavento CriativoProgramação das Oficinas

Local: Cemfa – Rua do Piza, n° 129, Santa Tereza – Olinda

Mapa:Como chegar: http://bit.ly/2OWAY2G

 

  • Oficina de Estamparia Artesanal: Confecção de Turbantes

Dias: 10, 11 e 12 de Outubro

Horário: 14:00 às 18:00

Facilitadora: Cristiany Loureiro ( Atelier Além das ideias)

Local: Cemfa – Rua do Piza, n° 129, Santa Tereza – Olinda

Mapa: http://bit.ly/2OWAY2G  

 

  • Vivência sobre Comidas de Terreiro

Dias: 10, 11 e 12 de Outubro

Horário: 10:00 às 12:00

Facilitadora: Marrianne Costa ( CEMFA)

Local: Ponto de Cultura Batá Kossô Rua do Piza, n°129, Varadouro – Olinda

Mapa: http://bit.ly/2OWAY2G

 

  • Oficina de Mamulengo: Confecção e Manipulação de Bonecos

Dias: 10, 11 e 12 de Outubro

Horário: 14 as 18h

Facilitador: Milton Cosmos (Mamulengo Trem Noturno)

Local: Centro Cultural Axé de Kilú – Ilha do Maruim, R. Nelcina Pereira nº 46, Santa Tereza – Olinda

Mapa: http://bit.ly/2N3tolA

 

  • Oficina de Comunicação Comunitária – Rádio Livre Amnésia 89.5 FM

Dias: 10, 11 e 12 de Outubro

Horário: 14:00 às 18:00

Facilitadores: Mestre Quinho Caetés e Daniel Albuquerque

Local: Ponto de Cultura Coco De Umbigada, Beco da Macaíba nº 42, Guadalupe – Olinda

Mapa: http://bit.ly/2QDHUmQ 

 

QUARTA-FEIRA – 10/10

  • 09:00 – Expressão Corporal – Dança Afro – Joana D’arc (DADÁ)
  • 14:00 – A PARTE PERCUSSIVA – Toni Boy
  • 18:00 – Feira de Arte Negra Quilombar
  • 18:30 Cineclube Rainhas do Quilombo e Representantes de Terreiros
    (EtnoRec): A intolerância contra as religiões de matrizes africanas no Brasil. (ONU BRASIL, Em comemoração à Década Internacional de Afrodescendentes, documentário produzido pelo Centro de Informação da ONU para o Brasil (UNIC – Rio) aborda as causas da intolerância religiosa e a riqueza da cultura afrodescendente no país).
  • 19:00 Roda de diálogo  – Tema:Música de terreiro – transmissão para futuras gerações
    Explanação: Guitinho da Xambá
  • 19:30 Apresentação da Orkestra Tambores de Xambá condu
  • 20:45 Dj Etnia Ras (PB)

 

QUINTA-FEIRA – 11/10

  • 09:00 – Expressão Corporal – Dança Frevo – Daniel Dias
  • 14:00 – Fankane, ritmos do Oeste Africano – Joás Santos
  • 18:00 – Feira de Arte Negra Quilombar
  • 18:15 – cineclube Rainhas do Quilombo: Exibição de vídeo A Cultura Rastafari
  • 19:00 – Roda de Conversa sobre a cultura Rastafari com Valdi Afonjah
  • 19:40 – Dj Etnia Ras – PB
  • 20:40 – Trupe Circuluz
  • 21:20 – Cineclube Rainhas do Quilombo – filme- Poeminflamado, Doc. 1h e 15min, Dir. de Mariano Pickman, Conta uma parte da trajetória do Poeta França de Olinda.
  • 22:50 – Grupo de Teatro de Rua Loucos e Oprimidos da Maciel “Um ato Loucos – Luna e Marco Polo”
  • 00:00 – Recital de poesia “Eu Poeta Errante” (homenagem ao poeta França) com os poetas Fernando Chile, Milton Pytanga, Luiz Carlos Dias, Eunápio Mario, Mario Gomes e Felipe França.

 

SEXTA – FEIRA (12/10)

  • 09:00 – Expressão Corporal – Cavalo Marinho Boi Brasileiro- Ricardo Rocha
  • 14:00 – Batuque do Maracatu Leão Coroado – Karen Aguiar / Preto Pereira
  • 15:00 – Apresentação do Mamulengo Trem Noturno Ilha do Maruim, R. Nelcina Pereira nº 46, Santa Tereza – Olinda (Centro Cultural Axé de Kilú)
  • 18:00 Feira de Arte Negra Quilombar
  • 19:00 – Cineclube Rainhas do Quilombo – EtnoRec – Série Índios do Brasil-Episódio 5 – Wassú Cocal
    (A expedição se despede dos povos do estado de Alagoas neste episódio, onde Tiago Nagô conhece o povo indígena Wassú Cocal, que habita a região da Zona da Mata. O protagonismo feminino, a luta pela educação indígena e formação, além do modo de vida e religiosidade desse povo são assuntos explorados por Nagô neste episódio. Os embates do povo Wassú Cocal com o poder público, que quer duplicar uma das principais rodovias do país, a BR 101, cortando suas terras, sem lhes compensar em nada também é foco do programa.
  • 19:30 – Roda de Diálogo com Eduardo Rossi – Direitos da Cultura
  • 20:00 – Roda de Diálogo com Mãe Beth de Oxum – Mulher, tecnologia e atualidade
  • 21:00 – Coco de Umbigada

 

SÁBADO – 13/10

  • Apresentações Culturais
      • Entrega de Certificados será digital
      • Feira de arte Negra Quilombar
      • 14:00 Cosme e Damião CEMFA – (Centro Espírita Maria Francisca de Assis)
      • 15:00 Mamulengo Tomé – Garanhus (PE)
      • 15:30 Maracatu Leão Coroado (PE)
      • Maracatu Nação Camaleão (PE)
      • Maracagrande (PB)
      • 16:30 Batá Kossô (PE)
      • 17:20 Fankani (PE)
      • 18:00 Coqueiro Alto (PB)
      • 18:50 Suprema Côrte (PE)
      • 19:40 Eduardo Rossi (PE)
      • 20:30 Neuro Roots (PE)
      • 21:20 Radiola Jamaicana feat Jaque Barroso (SE)

     

Não perca tempo faça agora sua inscrição no formulário

 

 

Serviço: 2º SABÁ – Semana de Artes Batá Kossô
Data: De 09 até 13 de Outubro de 2018
Endereço: Rua do Piza, 129, Varadouro – Olinda (PE)
Mapa: http://bit.ly/2OWAY2G
Entrada: Gratuita
Informações: 81 99851-5195

Coordenação: Bárbara Lins – 81 99731-2974

Produção Executiva: Felipe França – 81 99851-5195

Administração: Sandra Silva – 81 99591-545

Assessoria de Imprensa: Sandro Barros – 81 99986-8997

Redes Sociais: Facebook e Instagram: @batakosso

Os comentários estão encerrados.